Adeus

Quantas pessoas são necesárias para construir uma vida? Milhares.
E quantas são necessárias para destruí-la? Apenas uma.
E assim nos deixou alguém que merecia viver muito mais. Eu não tive o prazer de ter uma grande amizade com ele, conhecia só de vista e falar só falei poucas vezes. Mas o buraco que deixou no coração de seus amigos foi grande, hoje eles não sabem o que fazer para viver sem ele, e isso vai ser algo difícil de aceitar.
E assim me despeço de alguém que foi mais que uma simples vida, e sim alguém que marcou muita gente.
Em memória de Anderson Zerbini † 05/12/2010
Anúncios

Um pensamento sobre “Adeus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s