Clichê

E depois de tanto tempo, está chegando o esperado momento. Dois meses e dezoito dias atrás nós trocávamos as primeiras palavras, as primeiras informações. Eu não sei de você, mas eu nunca imaginaria o quanto eu ia gostar de você, o quanto você se tornaria especial pra mim. Dias se passaram e o tamanho do meu amor por ti só aumentou.

Tantas conversas, e quantos planos fomos capazes de fazer? Planos para todo o sempre, o que faremos, pra onde iremos, como viveremos. Antes eu até pensava que seriam impossíveis, mas agora vejo o quão perto da realidade eles estão.

Mal seguro minhas risadas quando as pessoas – indignadas – perguntam sobre você. Talvez elas não entendam o quanto podemos dar certo, e vamos dar sim. Meu futuro já foi repensado, nosso futuro na verdade.

Meu dias são vividos com os pensamentos longe, minhas madrugadas se tornaram uma mistura de risos, amores e não somente sonhos. Ah, doces sonhos que agora não pertencem só a mim! Obrigada meu amor, obrigada por estar fazendo parte da minha vida, e espero que não saia nunca. Te amo Rafael.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Clichê

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s