Sobre ele – de novo

Me desculpem. Devo dizer que tento evitar, mas controlar toda essa exaltação que acontece no meu peito é difícil e logo caio na tentação de escrever sobre ele. Todo essa arco-íris, essa melação… Eu acho tão bonitinho, tudo tão fofo e tudo aquilo de namorada apaixonada. Ele é tão lindo, tão perfeito pra mim. É a pura verdade, pra mim é. Sinto saudades dele a todo instante e as coisas ficam um pouco mais fáceis quando ele sorri. Meu Deus que sorriso lindo – suspiro. O jeito que me abraça, me faz esquecer tudo. Problemas, algumas discussões e etc. Ele fica tão fofo quando fala – outro suspiro. Fico com dó das minhas próximas, que tem que me aguentar toda animada, calorosa e feliz o tempo todo. Ai como devo ser chata! Desculpem de novo, não consigo de controlar. Ai porque o Rafa isso, o Rafa aquilo. Vocês nem devem me aguentar mais… mas peço paciência, tenham certeza que quando vocês estiverem flutuando em nuvens de algodão doce também, eu irei estar lá, falando como é tudo tão fofo e tão bonito. Ah, o amor…